Passar para a navegação primária Passar para o conteúdo Passar para o rodapé
Regressar a BLOG

Os petiscos portugueses mais populares

Petiscos - Portuguese tidbits

O conceito de petiscos não tem uma tradução única. Poderá vê-los a aparecer nas ementas dos restaurantes portugueses noutras línguas como entradas, aperitivos ou snacks, mas os petiscos são muito mais do que isso!

Estas pequenas doses de comida portuguesa são perfeitas para partilhar, quando sai com os amigos e deseja saborear pratos deliciosos, e também desfrutar de conversas que acabam por prolongar-se durante várias horas à volta da mesa. Tal como as tapas em Espanha, os petiscos em Portugal são também uma das melhores formas de experimentar várias receitas típicas de uma só vez. O ideal é pedir vários petiscos para provar e partilhar com os seus amigos, acompanhados de uma boa cerveja ou garrafa de vinho.

Os petiscos são tão relevantes no mundo da cultura gastronómica portuguesa que até temos o verbo petiscar, ou seja, comer petiscos. Na verdade, mais do que referir-se ao fato de comer em si, petiscar acaba por significar sair com os amigos para comer e beber. É sinónimo de sair para conviver, num contexto que envolva comida num ambiente relativamente informal. Resumindo, petiscar significa partilhar e divertir-se de uma forma bem apetitosa!

O mundo dos petiscos portugueses é vasto e varia regionalmente ou mesmo de acordo com a estação do ano. Mas existem alguns petiscos típicos que costumam fazer parte dos menus dos restaurantes e tascas um pouco por todo o país e mesmo nos restaurantes portugueses no estrangeiro.

Permita-nos recomendar-lhe alguns dos melhores petiscos que pode experimentar quando viajar a Portugal:

 

Pastéis de bacalhau e pataniscas

Petiscos - Portuguese tidbits

Como poderíamos começar uma lista de petiscos recomendados sem falar do fiel amigo de Portugal, o tão querido bacalhau? Existem várias receitas de bacalhau que poderíamos sugerir, mas estas estão também presentes no mundo dos petiscos: as pataniscas e pastéis de bacalhau são obrigatórios! 

Os pastéis de bacalhau têm formato oval e são feitos com puré de batata, cebola e salsa. São uma referência em todo o país, embora no norte seja mais provável que os encontre sob o nome bolinhos de bacalhau. Independentemente do nome, estes fritos tendem a ser crocantes por fora, mas bem cremosos por dentro. Salgados o suficiente para fazer a sua boca salivar, enquanto que o aroma das ervas aromáticas frescas equilibra o palato. 

As pataniscas são outro frito de bacalhau mas, desta vez são pastéis planos e, em vez de serem feitos com batata, são constituídos por uma massa de peixe desfiada, farinha e ovos. Se quiser comer pataniscas à moda antiga, coloque-as dentro de um pãozinho para comer com as mãos, e regue tudo com uma malga de vinho da casa.

 

Salada de Polvo

Petiscos - Portuguese tidbits

 

Salada de polvo é um daqueles petiscos que tanto pode pedir da ementa como, por vezes, é  logo posta como couvert, enquanto espera que a sua refeição seja servida numa cervejaria ou marisqueira. 

O polvo é cozido até ficar bem macio, é cortado em bocadinhos e acompanhado de vegetais crus como cebola e pimentos picados. A salada nada numa abundante marinada aromatizada com azeite, vinagre, alho e ervas frescas como os coentros ou salsa. 

Este é o tipo de petisco que pede um copo de vinho branco bem fresco. Peça-o para enganar o estômago enquanto espera pelo prato principal ou juntamente com outros petiscos para tornar a degustação numa refeição completa!

 

Pica-pau

Petiscos - Portuguese tidbits

 

Este petisco consiste em pequenos pedaços de carne embebidos em molho. A carne pode ser de porco, vaca ou uma mistura de ambas, e o molho é habitualmente à base de cerveja. 

O pica-pau costuma ser completo com picles à portuguesa, ou seja, cenoura e couve-flor, além de algumas azeitonas pretas. Certifique-se de ter um pouco de pão para aproveitar bem o molho. Regue com uma ou duas rodadas de cerveja portuguesa bem fria!

 

Peixinhos da horta

Petiscos - Portuguese tidbits

 

Este é um dos raros petiscos típicos portugueses vegetarianos e representa a desculpa perfeita para partilharmos consigo o facto de que se acredita que os portugueses estão por trás da invenção e difusão da tempura como técnica culinária! Se pensava que a tempura era algo 100% japonês, leia mais para ficar a conhecer mais sobre a sua origem. 

Os peixinhos da horta consistem em feijão verde passado por polme e frito. Por outras palavras, tempura de feijão verde. O nome deste prato deve-se ao facto dos legumes, após fritos, ficarem com um aspecto que lembra a peixinhos fritos, petingas ou jaquinzinhos, que é outro petisco que também pode saborear em Portugal, nomeadamente nas zonas costeiras.

 

Gambas à Guilho

Petiscos - Portuguese tidbits

Poderá ver este petisco aparecer nas ementas com este nome, mas também como gambas ao alho, gambas ao alhinho, gambas à la guilho ou camarões à guilho. Em todos os casos, referimo-nos a camarões fritos em azeite aromatizado. O sabor deve-se à fritura com bastante alho, que é precisamente o que dá nome ao prato. 

Se gosta de comida picante, não se esqueça de referir isto quando pedir este petisco, pois muitos cozinheiros adicionam um pouco de piri-piri a esta receita que na verdade é bastante simples. Se gosta de sabores apurados, vai apreciar como o toque picante eleva o prato. 

Este é mais um petisco que deve ser degustado com uma cesta de pão por perto. Assim que terminar de comer o camarão, apostamos que vai querer absorver até a última gota do azeite com sabor intenso usando o miolo esponjoso!

 

Amêijoas à Bulhão Pato

Petiscos - Portuguese tidbits

 

Aqui está um petisco cujo nome se foca nas amêijoas, mas onde o molho se destaca ainda mais do que o molusco em si. As amêijoas à Bulhão Pato consistem em amêijoas salteadas num molho rico com um toque de acidez, feito com vinho branco, sumo de limão, azeite, alho e uma boa quantidade de coentros frescos. 

Peça amêijoas à Bulhão Pato na maioria dos restaurantes portugueses ou faça em casa seguindo a receita fácil que aqui partilhamos consigo. Arrisque também fazer o à Bulhão Pato com berbigão ou mexilhão. É garantido que ficarão deliciosos!

 

Moelas

Petiscos - Portuguese tidbits

 

Tradicionalmente, quando se abate um animal para comer em Portugal, deve-se aproveitar todas as suas partes. No caso do frango, isso acaba por significar comer partes que causam estranheza noutros paladares e cozinhas do mundo, como é o caso das moelas. 

Estes pequenos órgãos encontrados no trato digestivo das galinhas são cozidos até ficarem tenros, num molho de tomate bem temperado e apurado. Este molho é aromatizado de forma intensa com vinho tinto, alho e louro. 

Alguns visitantes podem considerar este prato como saindo um pouco da sua zona de conforto, mas recomendamos-lhe que tente colocar os seus preconceitos de lado e o experimente. Se, pelo contrário, lhe soar a coisa muito fácil, então desafie-se para o próximo nível e continue a ler as nossas sugestões de mais comidas estranhas em Portugal!

 

Conservas

Petiscos - Portuguese tidbits

 

Pode parecer um pouco estranho pedir peixe enlatado quando se vai comer fora, mas em Portugal não só isso é habitual hoje em dia, é também algo muito delicioso! 

O mundo das conservas de peixe em Portugal vai muito além das latas que normalmente se encontram à venda num supermercado normal. Temos várias marcas que se especializam em conservas de peixe de alta qualidade, e que disponibilizam belíssimos produtos que podem ser degustados com um pouco de pão e vinho quando se sai para petiscar com os amigos. 

Os peixes mais comuns que se encontram nas conservas aqui em Portugal são as sardinhas, a cavala, os carapaus e o atum dos Açores. Estes podem ser aromatizados com azeite extra virgem e, para obter sabores mais sofisticados, com ervas aromáticas, especiarias ou molho de tomate. Partilhamos aqui consigo 10 deliciosas conservas portuguesas!

 

Queijos e enchidos regionais

Petiscos - Portuguese tidbits

 

Se é um viajante gastronómico em visita ao sul da Europa é provável que queira experimentar especialidades regionais de queijos e charcutaria. É interessante notar como Portugal, sendo um país tão pequeno, tem uma variedade imensa de queijos e enchidos. 

Já lhe listámos pelo menos 10 queijos portugueses que vai querer provar, com leite cru de vaca, cabra, ovelha ou de mistura. Mas se só vai poder saborear um destes queijos, recomendamos o Serra da Estrela, um rico queijo de leite de ovelha da montanha mais alta de Portugal continental! 

Quando se trata de carne curada, algo que leva o mesmo nome pode na verdade significar formato, sabor ou textura diferentes dependendo de onde se está em Portugal. Os principais enchidos que recomendamos experimentar em Portugal são à base de porco: presunto, chouriço, paio, morcela, mas também farinheira (enchido à base de farinha com massa de pimentão, colorau, vinho branco e banha) e alheira (enchido à base de pão, com carne de aves e gordura de porco). 

Continue a alimentar a sua curiosidade sobre a cultura gastronómica portuguesa e descubra mais enchidos portugueses que pode provar em Lisboa!

 

Chouriço assado

Petiscos - Portuguese tidbits

 

O chouriço português pode ser apreciado simplesmente fatiado como parte de uma tábua de charcutaria, utilizado na confecção de vários dos nossos pratos mais tradicionais, ou ainda como petisco grelhado na brasa diretamente à sua frente. Existe um utensílio específico muito português chamado canoa, que é um prato de barro que serve para apoiar o chouriço a ser grelhado em fogo com álcool. 

É um espetáculo para os sentidos: enquanto os seus olhos podem maravilhar-se ao ver como a chama começa a tostar as bordas da carne, o seu olfato será atraído à medida que a gordura do chouriço aquece, começa a pingar, e os aromas da carne são liberados. Muito, mas mesmo muito difícil de resistir. Perfeito para ser acompanhado com um bom copo de vinho tinto alentejano.

 

Caracóis

Petiscos - Portuguese tidbits

 

Este é um petisco sazonal, consumido principalmente perto de Lisboa e na zona sul de Portugal, nos meses de verão. Os caracóis não são tão viscosos como seria de esperar por quem nunca os experimentou. 

Depois de cozinhados, os pedaços de carne ficam bem pequenos e macios, e acabam por saber mais ao molho do que à própria carne. O molho usado na confecção dos moluscos é aromatizado com alho, tomate e orégãos, resultando num sabor fresco e aromático. 

Pedir uma cerveja gelada e um prato de caracóis para petiscar numa esplanada é uma das experiências lisboetas por excelência a desfrutar no verão!

 

De todas estas sugestões, quais lhe dão vontade de viajar agora mesmo para Portugal para sair a petiscar? Vamos adorar também ver as fotografias, impressões, sugestões, dúvidas, manifestação de desejos das suas experiências gastroculturais em Lisboa e em Portugal. Partilhe connosco no  FacebookInstagram ou Twitter. Por favor tague-nos: @tasteoflisboa  #tasteoflisboa.

 

Continue a alimentar a sua curiosidade pela cultura gastronómica portuguesa:

9 surpreendentes harmonizações de snacks e vinhos portugueses

10 bebidas típicas de Portugal

Como identificar a autêntica tasca portuguesa

 

Pessoas genuínas, comida autêntica. Venha connosco onde os portugueses e lisboetas vão! 

Reserve o seu lugar na nossa próxima experiência gastronómica & cultural.

Siga-nos para mais em InstagramTwitter e Youtube

 

Skip to toolbar