Passar para a navegação primária Passar para o conteúdo Passar para o rodapé
Regressar a BLOG

COMIDA INTERNACIONAL EM LISBOA, OS MELHORES PRATOS DAS EX-COLÓNIAS

comida internacional lisboa

Hoje em dia, diferentes comunidades originárias de ex-colónias portuguesas e atualmente a viverem em Lisboa abrem os seus próprios restaurantes e servem pratos tradicionais que depressa se tornaram reconfortantes iguarias das quais já não abdicamos!

Na Taste of Lisboa acreditamos que a comida é uma forte expressão cultural de grande identidade, transmitida de geração em geração.

Uma identidade global e multicultural em Portugal foi fundada pela história da presença portuguesa no estrangeiro ao longo de vários séculos.

Hoje em dia, diferentes comunidades originárias de ex-colónias portuguesas e atualmente a viverem em Lisboa abrem os seus próprios restaurantes e servem pratos tradicionais que depressa se tornaram reconfortantes iguarias das quais já não abdicamos!

Vamos levá-lo hoje numa viagem à volta do mundo através de especiarias intensas, técnicas culinárias e sabores que percorreram continentes e foram influenciados pela presença portuguesa. Enquanto estiver em Lisboa poderá descobrir todas estas deliciosas e culturalmente ricas cozinhas internacionais, que também falam o português.


ÁFRICA

É fácil encontrar boa comida africana em Lisboa, sobretudo os pratos típicos dos países africanos de língua oficial portuguesa.

cachupa
De Cabo Verde, um arquipélago de dez ilhas vulcânicas, na região central do oceano atlântico chega-nos um dos pratos africanos mais cobiçados pelos lisboetas, a Cachupa.

Cada ilha dá o seu toque especial a esta receita, mas a base da Cachupa rica, com vários tipos de carne ou da Cachupa pobre, feita com peixe conta sempre com feijão e milho estufados, servidos com legumes, mandioca, batata doce e banana cozidos.

A sua preparação pode ser um autêntico ritual, que habitualmente começa na véspera de ser servida e é uma refeição extremamente reconfortante.

Para a apreciar de forma autêntica escolha a Cachupa que se serve todos os dias na Associação Cabo Verdiana, no último piso de um prédio ao pé do Marquês de Pombal.

moamba
Outro prato africano bastante apreciado aqui em Lisboa é a Moamba tradicional de Angola.
Este estufado de galinha cozinhado com óleo de palma, gindungo, amendoim, cebola e alho e servido com quiabos e funge, um puré branco de farinha de milho ou mandioca pode ser apreciado de forma autêntica, no Espaço Gastronómico e Cultural Casa de Angola.

De Moçambique chegam-nos pratos de forte inspiração indiana, devido à significante população originária de Goa que reside neste país africano.

caril caranguejo

Goa, Damão e Diu, uma região ao longo da costa oeste da Índia, que outrora fazia parte do Império Português na Índia, obtiveram a sua independência em 1961, depois de cinco séculos sob influência da cultura portuguesa.

Muitos Goeses partiram para Moçambique, o território mais perto que ainda fazia parte de Portugal na altura e aí se fixaram com as suas tradições e gastronomia.

chamuças
Um fiel testemunho da história desta relação é o restaurante Cantinho do Aziz, na Mouraria, uma das paragens de prova do nosso Lisboa Roots, Food & Cultural Walk.

Neste cantinho bem pitoresco, aberto há 40 anos por um imigrante indo-português de Moçambique serve-se um excelente Caril de Caranguejo e umas chamuças resultantes da fusão da gastronomia destes dois continentes, que são consideradas as melhores chamuças de Portugal.

Onde comer Cachupa em Lisboa (de Cabo Verde):
Associação Cabo Verdiana
Duque de Palmela 2 – Bairro: Marquês de Pombal

Onde comer Moamba em Lisboa (de Angola):
Casa de Angola
Travessa da Fábrica das Sedas 7 – Bairro: Rato

Onde comer caril de caranguejo em Lisboa (de Moçambique):
Cantinho do Aziz
Rua de S. Lourenço 5 – Bairro: Mouraria

 

INDIA

Falando de comida indo-portuguesa, a presença da comida indiana em Lisboa é muito relevante através dos pratos mais procurados e mais picantes da região de Goa, precisamente.

sarapatel
Sarapatel, um prato de origem alentejana, levado para a India na altura da expansão portuguesa viu a sua receita adaptada e apurada pelas tradições goesas, com carne, cabeça, fígado, coração, rins e sangue de porco e temperado com malaguetas, cravinho, açafrão, canela, coentros, cominhos, gengibre, alho e tamarindo.
Jesus é Goês é um dos melhores restaurantes da cidade para saborear este fantástico prato goês.

vindaloo
Outra receita de origem portuguesa que se tornou muito famosa na sua versão indiana é o Vindaloo de porco.
Este caril muito picante é a evolução de uma marinada portuguesa feita à base de alho, vinho tinto e louro chamada “vinha-de-alhos” e a palavra indiana vindaloo resulta exactamente da contração deste termo português.
Em Goa substituiu-se o vinho por vinagre de palma e adicionou-se malaguetas e muitas especiarias a esta receita.

bebinca
Geralmente para terminar uma boa e intensa refeição goesa, os portugueses pedem para sobremesa a famosa Bebinca, um tipo de pudim preparado com muitas gemas de ovo, açúcar, cardamomo, leite de coco, farinha e manteiga, disposto em sete camadas cozinhadas no forno.

Onde comer Sarapatel em Lisboa (de Goa):

Jesus é Goês

Rua São José 23 – Bairro: Baixa

Onde comer Vindaloo em Lisboa (da Índia / Goa):

Cantinho da Paz

Rua da Paz 4 – Bairro: São Bento

 

CHINA

dim sum

Mais a Oriente, na China, os portugueses fixaram-se em Macau e é de lá que nos chega o Dim-Sum.

Esta infindável gama de pequenos bolos de massa recheados, cozinhados ao vapor ou fritos e servidos em cestinhos de bambu são a especialidade do restaurante Macau Dim Sum, perto das Amoreiras, onde servem 55 sugestões destas iguarias cantonesas.

Where to eat dim sum in Lisbon (from Macau):

Macau Dim Sum

Rua Dom João V 31B – Neighborhood: Amoreiras

BRASIL
A comida da maior comunidade de imigrantes residentes em Portugal depressa se instalou à mesa de muitos portugueses.

picanha
A picanha, um tipo de corte de carne bovina indispensável num churrasco brasileiro é facilmente encontrada em muitos menus de restaurantes portugueses servida muitas vezes à moda desse país, com arroz branco e feijão preto.

feijoada brasieira
Outro prato tradicional do Brasil que por cá se adaptou muito bem, tornando-se até num habitual almoço de fim de semana é a Feijoada à Brasileira.
Em Lisboa são vários os restaurantes que servem um buffet de carnes, linguiça, feijão preto, couve mineira fatiada, farofa (farinha de mandioca tostada), fatias de laranja e banana frita.
Para encher o prato as vezes que quiser e deliciar-se com este banquete não perca as feijoadas do Dona Beija, ao fim de semana, acompanhadas com caipirinhas, uma bebida tipicamente brasileira à base de cachaça e fruta e música ao vivo.

moqueca

Outro prato brasileiro, muito apreciado pelos lisboetas e tradicional do estado da Baía é a Moqueca.
De peixe ou de marisco, esta receita leva azeite de dendê, leite de coco, tomate, pimento e muitos coentros.
Serve-se numa panela de barro e o restaurante Comida de Santo, no Príncipe Real é o sítio ideal para a degustar.

Onde comer Picanha em Lisboa (do Brasil):

Fogo de Chão

Avenida Elias Garcia 13 – Bairro: Campo Pequeno

Onde comer Feijoada à Brasileira em Lisboa:

Dona Beija

Av. Duque de Loulé 22b – Bairro: Picoas

Onde comer Moqueca em Lisboa:

Comida de Santo

Calçada Eng. Miguel Pais 39 – Bairro: Princípe Real

Se está a planear uma visita a Lisboa e gosta de viajar através da comida, guarde estas dicas que a Taste of Lisboa preparou para si e junte-se a uma das nossas experiências gastronómicas e culturais para descobrir os verdadeiros sabores que só os locais conhecem.


Atenção: a nossa paixão é partilhar Lisboa e por isso procuramos sempre dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os atuais tempos de pandemia são instáveis, por isso sugerimos que confirme sempre, antes de sair de casa.



Se deseja que história e cultura sejam adicionadas à sua experiência gastronómica lisboeta, não hesite em contactar-nos.
Teremos todo o prazer em organizar uma experiência gastrocultural personalizada por Lisboa, exclusivamente para si ou para o seu evento.
Pode também participar de uma de nossas caminhadas culturais e gastronómicas diárias.

Alimente a curiosidade e explore mais sobre a cultura gastronómica portuguesa:

Viajar por Portugal em 18 comidas (sem sair de Lisboa)

Comidas que não sabia que eram portuguesas

10 queijos portugueses que tem de provar

 

Pessoas genuínas, comida autêntica. Venha connosco onde os portugueses e lisboetas vão! 

Reserve o seu lugar na nossa próxima experiência gastronómica & cultural.

Siga-nos para mais em Instagram, Twitter Youtube

 

Skip to toolbar